Valor de entrada do minha casa minha vida?

Qual é o valor de entrada típico para um imóvel pelo programa Minha Casa Minha Vida? Existem variações de acordo com o imóvel ou renda?

11 curtidas

O valor de entrada para imóveis pelo programa Minha Casa Minha Vida, agora conhecido como Casa Verde e Amarela, pode variar de acordo com a renda do comprador e o valor do imóvel.

De maneira Geral , o programa foi desenhado para facilitar a aquisição de moradia por famílias de baixa renda, oferecendo taxas de juros mais baixas e subsídios que podem reduzir o valor da entrada.

A entrada depende também da localização do imóvel, do valor total e da faixa de renda na qual o comprador se enquadra dentro do programa.

Em alguns casos, as famílias com renda mais baixa enquadradas nas faixas iniciais do programa, o valor de entrada pode ser bastante reduzido ou até mesmo inexistente, graças aos subsídios governamentais.

Contudo, para famílias com rendas mais altas, enquadradas nas últimas faixas do programa, a entrada tende a ser maior, refletindo as condições de mercado mais usuais.

É importante consultar as condições específicas atualizadas do programa, pois elas podem sofrer alterações.

10 curtidas

O valor de entrada no programa Minha Casa Minha Vida, agora denominado como Casa verde e Amarela, depende de diversos fatores e há especificações para cada caso, como:

Faixa de renda bruta familiar:

No novo programa, a situação determinada para os moradores do sudeste, centro-oeste e sul é de tributos de 5% a 5,25% para não cotista do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e de 4,5% a 4,75% para cotistas do FGTS que se enquadram no Grupo 1; 5,5% a 7% para não cotista e de 5% a 6,5% para cotistas do Grupo 2; e de 8,16% para não cotista e de 7,66% para cotista no Grupo 3.

Já para moradores das regiões norte e nordeste os encargos ficam assim: no Grupo 1, 4,75% a 5% para não cotista do FGTS e de 4,25% a 4,5% para cotista do FGTS. De 5,25% a 7% para não cotista e de 4,75% a 6,5% para cotista no Grupo 2. E de 8,16% para não cotista e de 7,66% para cotista no Grupo 3.

12 curtidas

Completando a resposta do @Vitorrocha , o novo programa habitacional do Governo Federal veio para reformular o Minha Casa Minha Vida.

Enquanto o antigo programa focava apenas na produção habitacional, o Casa verde e Amarela foca na regularização fundiária, melhorias e produção habitacional financiada.

Além de trazer novos grupos de renda e taxas de juros, que variam conforme a faixa de renda do cidadão e a localização do imóvel.

Nas regiões Norte e Nordeste, os juros são reduzidos, enquanto o limite do valor do imóvel aumenta.

10 curtidas

Esse vídeo pode te esclarecer sobre o novo programa:

10 curtidas